Capitais e Regiões Metropolitanas - 4007-1035

Demais localidades - 0800 603.7100

8 alimentos que parecem saudáveis, mas não são

a

Você sabe o que chocolates diet, chás em lata, adoçantes, bebidas esportivas, barrinhas de cereais, cereais matinais, sopas em pó, e sucos de caixinha têm em comum?

Eles são alimentos que apenas parecem saudáveis. Veja os motivos!

SUCOS DE CAIXINHA

Os sucos de caixinha possuem uma grande quantidade de açúcar, e quando em versões light, estes apresentam muitos conservantes, os quais podem prejudicar o funcionamento do intestino. Por isso, trocar o refrigerante por sucos de caixinha não é um hábito tão saudável. Ainda, muitas vitaminas presentes nas frutas são perdidas durante o processo de industrialização.

A melhor opção são os sucos naturais. Porém, não é recomendável fazer um suco de frutas pela manhã e servi-lo no almoço. Durante o processo de fazer o suco, há perda de nutrientes importantes para a função intestinal. Ainda, apesar de sucos naturais, o suco pode apresentar um alto índice glicêmico (capacidade do alimento de promover o aumento da glicose sanguínea).

É natural utilizar uma grande quantidade de frutas ao fazer o suco, o que pode gerar um alto aporte calórico na dieta. Caso a pessoa não possa ingerir a quantidade recomendável de frutas por dia (4 a 5 porções), o suco pode ser uma opção, mas é importante ter cuidado com exageros.

CHÁS EM LATA

Os chás em lata possuem flavonoides, substâncias antioxidantes, e grande quantidade de açúcar ou adoçantes (quantidade semelhante à de refrigerantes). Por esse motivo, não recomendável que este tipo de bebida seja ingerida diariamente. Vale lembrar, também, que alguns tipos de chá são ricos em cafeína, o que pode causar ansiedade, insônia e acelerar o coração.

ADOÇANTES

Adoçantes não são problema quando tratados isoladamente. Mas, o seu consumo em excesso deve ser evitado, já que os efeitos da ingestão excessiva e prolongada ainda não são conhecidos. A recomendação de especialistas é variar o tipo de adoçante no decorrer do dia. Ainda, quando ingeridos, os adoçantes emitem falsos sinais ao cérebro de que estamos ingerindo açúcar. Quando o engano é percebido, o cérebro costuma reagir aumentando a vontade de consumir doces.

BEBIDAS ESPORTIVAS

Neste caso, o problema é em relação à finalidade do consumo desta bebida. Estas bebidas possuem em sua composição grandes quantidades de sódio e potássio, e por isso são indicadas para atletas que praticam mais de uma hora de atividades aeróbicas, tendo como exceções situações clínicas bem específicas. Em suma, este tipo de bebida é indicado após a prática esportiva intensa.

BARRINHAS DE CEREAL

A quantidade de tipos de barrinhas de cereal é bem extensa. Vai desde as saudáveis, que possuem fibras, até aquelas com baixo teor de gordura e poucas calorias. Quando bem escolhidas, podem ser uma boa opção de lanche com baixas calorias entre as refeições. Porém, é importante estar atento à quantidade de gordura saturada e sódio que elas possuem.

CEREAIS MATINAIS

Assim como barrinhas de cereais, os cereais de caixinha também possuem uma grande variedade. A má notícia é que, geralmente, os cereais mais saborosos são os menos saudáveis. Cereais flavorizados, como  aveia sabor chocolate ou com mel são mais saudáveis, porém menos saborosos. A dica é comprar cereal sem flavorização e adicioná-lo em alimentos que já fazem parte da dieta, como iogurte, leite ou suco de frutas.

SOPAS EM PÓ

Sopas em pó podem ser uma opção de refeição com menos calorias. Mas, cuidado com as versões industrializadas! As que requerem apenas adição de água não devem fazer parte da dieta, já que elas contêm muitos conservantes, principalmente muito sódio. Por isso o consumo habitual deste alimento não é saudável. Uma sugestão é fazer uma sopa caseira por semana e congelá-la.

CHOCOLATE DIET

Como todos os produtos diets, o chocolate diet é recomendado para pessoas com diabetes, porque possui menos açúcar. Porém, o chocolate diet pode ser mais calórico que o chocolate normal, já que para manter o sabor e a consistência, a falta de açúcar é compensada com adição de gordura.

Fonte: Veja